top of page
Buscar
  • Foto do escritorCinema Comentado Cineclube

A abordagem do aprendizado e da inclusão das crianças surdas é o tema do filme “E Seu Nome é Jonas"


Na sexta-feira, dia 02/06, a programação presencial do Cinema Comentado Cineclube apresenta “E Seu Nome é Jonas” (1979), produção estadunidense dirigida por Richard Michaels. O encontro é fruto da parceria do Cineclube com a Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), por meio do Programa de Pós-Graduação em Letras – Estudos Literários (PPGL) e do Centro de Comunicação e Referência Audiovisual (CCRAV).


Para coordenar e participar do debate, está confirmada a presença da professora Themis Farias Desiderio, especialista em Libras e docente do Departamento de Comunicação e Letras, da Unimontes.


A exibição acontece no Auditório do CCH, a partir das 19h, no 2º andar do prédio 2; em seguida, o público conversa sobre o tema e a estética do filme. Os encontros são gratuitos e abertos para todos os espectadores: interessados na sétima arte, acadêmicos, docentes e cinéfilos.


“E Seu Nome é Jonas” narra a história de um menino surdo que encontra muita dificuldade no convívio social. Por um erro de diagnóstico, ele é internado em uma instituição para crianças consideradas deficientes mentais e lá permanece por três anos. Ao descobrirem o erro médico, seus pais o levam para casa iniciando um processo de reconhecimento, aceitação e inclusão social de Jonas.


De acordo com a pesquisa e o artigo elaborado sob a coordenação do professor Ronaldo Gonçalves Oliveira, na UERJ, “o filme retrata, de forma dramática e poética, questões que fazem parte da história da surdez, como, por exemplo, a impossibilidade de classificação como uma deficiência específica, a confusão com doenças mentais e outras enfermidades, as polêmicas acerca do melhor tratamento, a impossibilidade de diálogo com pais e educadores, o despreparo de ambos para lidar com crianças e jovens surdos, o confronto entre oralização e sinalização, enfim, o filme retrata temas polêmicos que se perpetuam ao longo da história”.


A exibição e o debate sobre o filme reforça a proposta cineclubista de trazer produções que auxiliem no processo de ensino/aprendizagem do público e estimulem o conhecimento utilizando as possibilidades do cinema como arte, mídia e representação cultural.

53 visualizações0 comentário
bottom of page